NEWSLETTER
CADASTRE-SE NA NEWSLETTER:
COMPARTILHE

Home

|
48 3243-4212
 
 

Presidente Sandra participa de debate sobre a

liberação da fosfoetanolamina

 

 

 

 

 

A presidente da Acibig, Sandra Molinaro, participou do debate realizado no salão da Capela Santa Clara, no bairro Vendaval, em Biguaçu, na sexta-feira, dia 22/01, sobre a droga que ganhou maior discussão no Brasil no último ano, a Fosfoetanolamina, que traz esperanças de cura a pacientes de câncer. Foram mais de duas horas explicações, relatos de pacientes que sofrem com a doença e que entraram com ações judiciais para terem direito ao uso da droga.

 

 

No início do encontro foi apresentado o vídeo do médico responsável pelos testes experimentais da fosfoetanolamina sintética, feitos na USP (Universidade de São Paulo), Dr. Renato Meneguel. O médico e bioengenheiro afirma que o composto é seguro, mas que faltam testes clínicos, feitos pelos órgãos responsáveis, a fim de que sejam reconhecidos pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e liberados para consumo. A presidente da Acibig se solidarizou com os pacientes e disse que a associação está de portas abertas a apoiar a ASPAC-SC no que for preciso para dar corpo ao movimebto pela liberação da fosfoetanolamina.

 

O debate foi organizado pela ASPAC-SC (Associação de Amigos e Pacientes de Câncer) de Santa Catarina e contou com a presença do presidente da entidade, João Vianei; da presidente da AMUCC (Associação Brasileira de Portadores de Câncer), Leoni Margarida Simm; da advogada ativista da fosfoetanolamina, Marisa Nogueira Ferreira; do médico Ricardo Vieira, entre outras autoridades locais, voluntários e pacientes de câncer. Entre os depoimentos, esteve o de Hilário Segala, que afirmou ter obtido resultados positivos após o uso do medicamento durante apenas 25 dias.

 

 

O médico Ricardo Vieira, que também é vereador em Florianópolis, declarou ser defensor da fosfoetanolamina, defendeu a prescrição do medicamento e se colocou à disposição para fazer frente política na Câmara de Vereadores da Capital. A presidente da AMUCC comunicou que “o ministro de Ciência e Tecnologia publicou na imprensa que se, até o fim do mês não provarem que a fosfoetanolamina é tóxica, ela será liberada. No entanto, o maior nó da questão é quem irá fabricar o medicamento. Em Santa Catarina, até o momento, três universidades se manifestaram interessadas em produzir em nível de pesquisa”, disse.

 

Por fim, João Vianei, presidente da ASPAC-SC, anunciou que entre os próximos passos da entidade estão mobilizações, pedindo aos juízes sensibilidade no julgamento das causas, e a realização de um novo debate, em que serão convidados juízes das varas em que essas liminares são avaliados. “Como muitos juízes alegam que não têm conhecimento de causa, o encontro oportunizará que as autoridades tenham mais subsídios ao julgarem os processos individuais”, explicou.

 

Fizeram ainda parte da mesa de autoridades a presidente de honra da Academia de Letras de Biguaçu, Dalvina de Jesus Siqueira; o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Biguaçu, Leonídio Zimmermann; e o vereador de Biguaçu, Ednei Müller Coelho (Patê). A intermediadora do debate foi a jornalista e voluntária da ASPAC-SC, Carol Ramos. 

 

 

Texto e foto: Açor Comunicação

 
 
 
 
 
 
 
Consulta SPC


Link para consultar ao SPC/Serasa aos associados assinantes do plano CDL
 
Agenda Empresarial
  
Palestra " A Importância da Imagem Pessoal"
Dia 28 de junho.

Palestra "MEI na Prática"
Dia 19 de julho.

Informações (48) 3243-4212 
 
 
 
 
 
 
  (48) 3243-4212  
 
 
   De segunda a sexta-feira
 
Das 8h às 12h e das 13h30 às 18h



 
 
 
 
 
 
Contato via email? Clique aqui!
 
 
Acibig CDL de Biguaçu
Telefone: (48) 3243-4212
Facebook.com/AcibigCDL
 
 
Palavras-chave
Representatividade
Associativismo
Soluções Empresariais
Qualificação Profissional
 
Links Principais
Home
A Acibig
A CDL
Notícias
 
 
ARQUIVO CRÉDITOS NÃO ESTÁ ABRINDO, ESTÁ COM ERRO OU NÃO POSSUI A ASSINATURA.